Procura pela acupuntura no SUS cresce mais de 400% em cinco anos

Edição do dia 26/12/2012

Atualizado em 26/12/2012 10h45

Aumento foi devido ao maior número de vagas na rede básica de saúde e o crescimento do número de profissionais formados.

Os médicos estão surpresos. Depois que o SUS começou a oferecer terapias não-convencionais, a procura pela acupuntura subiu mais de cinco vezes. Um aumento de 429% entre 2007 e 2012.

O doutor Wu Tu Hsing, diretor do Centro de Acupuntura do Hospital das Clínicas de São Paulo explica as causas deste crescimento: “Esse aumento foi devido à política do governo de aumentar as vagas na rede básica de saúde e também o número de profissionais formados. A acupuntura, pelo estímulo da pele e do músculo, leva informação ao sistema nervoso central e nosso cérebro produz substâncias que bloqueiam a dor, como a endorfina. E ao mesmo tempo libera produtos antiinflamatórios, como a cortisona”.

Wu Tu Hsing diz que é importante procurar orientação médica antes de decidir fazer acupuntura. “A principal indicação para procurar a acupuntura seria a dor crônica, dor aguda, como dor de cabeça ou de coluna. Mas o ideal é procurar um médico, que vai decidir se você deve fazer acupuntura ou não”, afirma ele.

Fonte: globo.com